Páginas

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

São Francisco do Sul - SC



📌SÃO FRANCISCO 
DO SUL - SC📌


        



Cidade mais antiga de Santa Catarina e a terceira mais antiga do Brasil. Aqui o turista vai encontrar praias urbanizadas, praias destinadas ao surf, dunas e um centro histórico com características açorianas. Seu descobrimento deve ter sido por volta de 1553, ou seja, uma cidade cheia de história, na verdade uma ilha na Baia de Babilonga!!😉😉

DIA 1
Saímos de madrugada em uma viagem bem longa, . Enfim o destino final, após cerca de 650 km e 8 horas de viagem😏!!!! Bastante tempo, não!? Mas valeu a pena!!

De carro, a primeira parada foi em uma pracinha na Praia dos Ingleses. Local dos pescadores locais. Uma boa caminhada por ali. Pouco movimento. 
Bem, agora era procurar outra praia. Uma rápida "rodada" e pronto: Praia de Ubatuba (FOTO), de mar aberto, própria para banho, pesca e surf. Muito procurada pelo turistas, com sua enorme beleza e águas cristalinas. 


Já no meio da tarde fomos caminhar pelo centro histórico (FOTO), e encontramos um conjunto de cerca de 150 casas antigas, muitas com centenas de anos, que são tombadas pelo Patrimônio Histórico.


Neste mesmo espaço há o Mercado Municipal, um prédio inaugurado em janeiro de 1900.

Há também uma das construções mais antigas da ilha, o que hoje é  conhecido como Museu Histórico, já foi Câmara dos Vereadores e também Cadeia Publica tendo encarcerado lideres revolucionários.

Datada de 1699, há também a Igreja Matriz Nossa Senhora da Graça (FOTO), cuja construção foi envolta de muitas discussões vistos altos valores gastos para construí-la.


Numa das extremidades há o Museu Nacional do Mar, o único do gênero na América do Sul.

DIA 2            
Início do dia, e o passeio foi na Praia da Enseada (FOTO), com 3 km de extensão, é a mais movimentada e com maior infraestrutura. A praia tem forma de ferradura, faixa larga de areia fina e clara e um mirante a sua direita.



Praia da Saudade (FOTO), também conhecida como Prainha é o grande ponto do surf, servindo de sede para campeonatos da região. E nela que está concentrada a badalação da Ilha, na alta temporada.  


Praia Grande (FOTO), cerca de 20km distante do Centro Histórico. Quase um santuário, pois pelo seu mar revolto, inadequado para banho, fica quase deserta sendo muito bom para a fauna e flora local.


DIA 3
Foi a vez do Forte Marechal Luz (FOTO). Um local muito visitado. Acesso por uma escadaria e uma trilha que dá acesso ao Morro João Dias, onde em seu topo há quatro canhões. Fica a 15km do centro histórico, é um ponto onde é possível visualizar todo litoral norte catarinense. A visão é maravilhosa!!!


Ao descer, a visita foi nas lojas e almoçar. Na parte da tarde, mais um pouco da cidade, já que o tempo não estava convidativo para praia.

DIA 4
Bem, era o último dia. Na volta, novamente Curitiba de passagem, quando surgiram placas da Estrada da Graciosa. Outra decisão tomada: seguir essas placas!
Magnífica! É uma estrada de pedra rodeada pela vegetação (árvores e flores, como Hortências). 

Graciosa mesmo!! Tudo muito lindo, com quedas d’água e muita vegetação! Realmente não podia deixar de conhecer esta estrada. Ao seu final, a cidade de Morretes.👇 (fizemos o passeio de trem, Curitiba-Morretes, acessem aqui👇http://viajantesdemochila.blogspot.com.br/1980/01/curitiba-pr.html)


É uma singela cidade histórica e linda também; pena que estava chovendo e não foi possível conhecer muito. Mas foi possível o deslumbramento com a beleza das primaveras e hortências que permeiam as ruas!    

Nenhum comentário:

Postar um comentário