Páginas

quarta-feira, 2 de janeiro de 1980

Domingo Aéreo - Pirassununga




DOMINGO AÉREO - PIRASSUNUNGA

7h de um Domingo de muito sol. Destino Domingo Aéreo em Pirassununga/ SP. Saindo de Campinas direto pelo Rodovia Anhanguera, com um percurso de carro bem tranquilo até que, um pouco antes do entroncamento com a rodovia que dá acesso à Academia da Força Aérea (AFA), o trânsito estava praticamente parado.

8h20. Foi um susto: logo cedo e congestionamento. Era carro que não acabava mais. Todos indo para o mesmo destino.

Como o trânsito realmente não fluía, a Polícia Rodoviária desviou o trânsito para dentro da cidade. Que idéia, não?! Pois bem, e segue o fluxo. Mas não por muito tempo, pois já entrando na cidade, estava tudo travado.

Talvez o melhor fosse desistir do passeio e buscar uma alternativa para diversão em alguma cidade próxima. Com muito sacrifício, chegamos em um posto de combustíveis. Perguntando para os frentistas sobre caminhos alternativos e disseram existir. Nisso policiais que estavam por ali, se ofereceram para levar quem estivesse disposto a segui-los. Assim, montou-se um comboio (FOTO) e lá fomos nós. Desvia daqui, segue por ali, muita terra e poeira e depois de muito tempo, sem trânsito algum, lá estávamos, praticamente nos portões de entrada da academia, às 10h15.



Carro estacionado, com certa dificuldade devido a enorme quantidade de veículos, agora era seguir direto para a entrada, já que o início da apresentação das manobras da Esquadrilha da Fumaça (FOTO) aconteceria às 10h30.

Por sorte, atrasou um pouco. Às 10h45 começou o show. Realmente um show, com pouco mais de 1h.



Depois, foi só se deliciar com as atrações do local: outra apresentação de esquadrilha da fumaça com aviões antigos liderados pelo Comte. Edo, visitar aeronaves e conhecer um pouco mais sobre a carreira militar, ver a maquete do Gripen NG que é o novo caça da Força Aérea Brasileira (FAB), observar o T-25 Universal e T-27 Tucano utilizados na formação dos Oficiais Aviadores, as aeronaves de caça F-5 Tiger, as aeronaves de transporte C-105 Amazonas e C-130 Hércules e os helicópteros H-60 Black Hawk. A Marinha compareceu com a aeronave VF-1 (A-4 Skyhawk) e a Polícia Militar de São Paulo com o helicóptero Esquilo. Já o Exército esteve presente com viaturas utilizadas pelo 13º Regimento de Cavalaria Mecanizado.

Ainda disponibilizaram dois galpões enormes com praça de alimentação, venda de presentes e algumas exposições. Tudo muito legal.

Ao caminhar pelo local e ver tanta gente, logo veio à mente a confusão que seria ao término do evento com todos querendo ir embora. Portanto, às 13h15 a opção foi por iniciar a viagem de retorno à Campinas. Mas infelizmente não foi possível escapar do movimento. É, muitos tiveram a mesma ideia. Trânsito praticamente parado, calor, sede, fome, .... Ô sofrimento!!!!

Passava das 16h15 quando chegamos à Rodovia Anhanguera. 16h45 paramos em um supermercado em Leme para comer e beber. Ufa, um certo alívio. Dali, direto para casa, onde chegamos às 16h15.

E aí você pergunta: valeu a pena?

Com exceção da apresentação da Esquadrilha da Fumaça, que foi sensacional, resumiria o restante mencionando que foi diferente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário